Prêmio Sou do Esporte: FES fica em 2º lugar no quesito governança, entre as federações de futebol

30 de janeiro de 2023

Entre as 27 federações de futebol do Brasil, a Federação de Futebol do Estado do Espírito Santo (FES) foi eleita a segunda melhor no quesito Governança, pelo Prêmio Sou do Esporte, dedicado às gestões esportivas. O presidente da FES, Gustavo Vieira, recebeu o troféu na última sexta-feira (27), em São Paulo (SP), na cerimônia transmitida ao vivo pelo canal BandSports.

A FES concorreu com a Federação Paulista de Futebol (FPF), que ficou com o primeiro lugar. Em sua sétima edição, o prêmio nacional analisou pela primeira vez as federações de futebol e somente a FES e a FPF atenderam a todos os requisitos avaliados pelo Instituto Sou do Esporte.

A associação sem fins lucrativos leva em consideração cinco vetores para a análise da boa governança: transparência, prestação de contas, integridade institucional, equidade e modernização. O Sou do Esporte é o único prêmio da América Latina que avalia a governança no esporte.

Ao lado do senador Carlos Portinho e do vice-presidente da FPF, Mauro Silva, Gustavo falou sobre a gestão da FES: “A gente vem à frente da federação desde 2015 e nossa primeira ação foi o estabelecimento de um programa de integridade. Entendemos que a federação é uma agência de desenvolvimento do futebol, então implementamos boas práticas de governança para mudar a nossa imagem, objetivando trazer recursos para financiar o nosso futebol”.

“Com isso, conseguimos avançar no ranking da CBF, recuperamos vagas nacionais, nossas competições se tornaram mais interessantes, mais investidores vieram. A gente se especializou na captação de recursos públicos para o futebol, trabalhamos com emendas federais. Executamos inúmeros projetos de lei de incentivo federal, tivemos a aprovação da lei estadual de incentivo ao esporte. Estamos avançando em competições nacionais. Então, a gente está criando ambiência para atrair novos investidores, fortalecendo sempre nossos clubes”, emendou.

Ao receber o prêmio, Gustavo agradeceu e parabenizou a iniciativa do Instituto Sou do Esporte: “É um prêmio muito importante. É uma métrica para o futebol, que vai elevar o nível das federações. Fico muito honrado de receber esse prêmio em nome do meu estado e da nossa federação, que vem galgando posições. É um projeto a longo prazo, mas os passos estão sendo dado e os resultados estão acontecendo”.

 

 


Próximos jogos